728 x 90
[lbg_audio8_html5_shoutcast settings_id="1"]

Conheça a história de superação e sucesso de Marília Mendonça

Marília Mendonça foi um dos maiores fenômenos da música sertaneja em sua geração. Com apenas 21 anos, ela lançava seu primeiro DVD e com o hit “Infiel” ela dava início a uma ascensão incrível nas paradas musicais entre as mais ouvidas no país.

Porém, a história dela começou muito antes, quando tinha apenas 12 anos de idade. O Vagalume trará neste especial essa bonita história escrita por uma das mulheres mais admiradas da música brasileira.

Marília não foi apenas a “Rainha da Sofrência” como alguns se referiam a ela devido aos temas de suas músicas. Marília também foi uma neta, uma filha, uma mãe e um exemplo de artista que inspirou milhares de fãs pelo país.

Início: Aulas de violão e shows em bares

Em uma entrevista para Ticiane Pinheiro, na TV Record, Marília Mendonça (natural de Cristianópolis (GO) e criada em Goiânia) relembrou seus primeiros contatos com a música, quando ainda era uma criança. “Meu vô pagava aula de violão para eu tocar na igreja. Ai (depois), comecei a tocar para trabalhar para ajudar em casa porque a gente passava muito dificuldade”.

Bem nova, Marília já mostrava talento para escrever suas próprias músicas. “Então minha paixão nasceu bem cedo. Nasceu com 12 anos, eu comecei na composição, já escrevendo”.

Um de seus “primeiros palcos” foi o bar da própria mãe. Ao relembrar seus primeiros cachês, Marília lembra como conseguia ajudar em casa. “50 reais (por show), às vezes o espetinho da galera. O maior que recebi foi 800 reais e a gente tinha três contas de energia (luz) sem pagar. E a gente foi e pagou tudo”.

Mudança para o sertanejo



Aos 14 anos, a cantora conheceu uma pessoa que a viu tocando em um show. O seu repertório então era pop/rock, com músicas de bandas como Capital Inicial, mas ela recebeu um convite para mudar de estilo.

Convidada para tocar em boates de Goiânia, na ocasião, Marília deixou claro para o rapaz: “Eu não canto sertanejo nem a pau. Não gostou de sertanejo. Música de corno”, relembrou aos risos.

Ela mudaria de opinião e não apenas seria uma das maiores cantoras, como também compositoras do sertanejo.

Composições de sucesso para outros artistas

Antes de alçar seu próprio voo como cantora, Marília começou a brilhar como compositora. Seu primeiro sucesso gravado por outro artista foi “Minha Herança”, cantada por João Neto e Frederico.

Marília revelou que tinha apenas 12 anos quando escreveu essa música. E isso mudou a vida da então desconhecida artista, que começou a ser procurada por outros grandes nomes do gênero.

Em seguida, uma parceria de sucesso que Marília faria foi com a dupla Herique e Juliano para quem ela compôs grandes hits. Entre as faixas escritas por Marília Mendonça estão os sucessos “Cuida Bem Dela” e “Flor e o Beija-Flor (Part. Marília Mendonça)”.

Do primeiro DVD ao título de “Rainha da Sofrência”

Em 2014, Marília lançou a sua carreira solo oficialmente com um EP homônimo. Porém, foi com o primeiro DVD, lançado no ano seguinte, que ela começou a fazer sucesso.

A faixa “Infiel” foi a responsável por impulsionar a carreira da cantora, que logo se tornou uma das mais famosas do Brasil.



A partir dali, tudo que Marília lançou passou a ser cantado por milhares de fãs espalhados pelo país. Faixas como “Eu Sei de Cor”, “Amante Não Tem Lar”, “Ausência”, são alguns de seus maiores sucessos.

Foi assim, hit depois de hit, que Marília conquistou o título de “Rainha da Sofrência”, devido ao tema das letras de suas canções, que traziam mensagens de como lidar com traição e decepções no amor.

Vida pessoal

A cantora teve um relacionamento com o também cantor Murilo Huff. Ela deu à luz o filho Léo, em julho de 2020.

Um de seus últimos posts na internet foi uma homenagem para a sua mãe, que fez aniversário, um dia antes do acidente que tirou a vida de Marília. Ruth Moreira foi uma das maiores incentivadoras da artista, tanto que é fácil encontrar pela internet vídeos das duas cantando.

Acidente aéreo e luto nacional

Marília Mendonça foi vítima de um acidente aéreo, em 5 de novembro de 2021, quando fazia uma viagem para um show Caratinga, em Minas Gerais. Ela e mais quatro pessoas perderam a vida depois da queda do aeroplano.

A cantora foi homenageada por artistas, mídia e milhares de fãs, que fizeram posts relembrando a brilhante carreira da artista.

Fonte: Vagalume

banner plan materia
floricultura

Comentarios

os comentaio sao de sua problia responsabilidade *

Novidades