728 x 90
[lbg_audio8_html5_shoutcast settings_id="1"]

MORTE DE CRISTIANO ARAÚJO FAZ 5 ANOS EM MEIO A SUCESSO DE FELIPE E HERANÇA INDEFINIDA

A morte de Cristiano Araújo completa 5 anos nesta quarta-feira (24). O sertanejo faleceu em 24 de junho de 2015, aos 29 anos, junto de sua namorada, Allana Moraes, em um acidente de carro na BR-153, entre as cidades de Morrinhos e Pontalina, em Goiás.

Na ocasião, Cristiano Araújo voltava de um show em Itumbiara, sul de Goiás, quando o veículo que ele estava, uma Range Rover, saiu da estrada e capotou. O cantor tinha 29 anos e sua namorada, Allana Moraes, estava com 19.

As investigações concluíram que o motorista dirigia o carro acima da velocidade permitida e com as rodas do veículo danificadas. O condutor era Ronaldo Miranda e o empresário Vitor Leonardo também estava no veículo. Eles sobreviveram ao acidente.

Uma enorme comoção nacional foi provocada pela morte de Cristiano Araújo. O cantor, tão jovem, estava no auge de sua carreira e era muito querido por todo o Brasil. Nos anos que se passaram, o cantor foi homenageado frequentemente por fãs e outros colegas da música sertaneja.

Desde a morte de Cristiano Araújo, muita coisa relacionada ao cantor acabou acontecendo. Abaixo, estão listadas algumas situações que merecem destaque.

CONDENAÇÃO AO MOTORISTA DE CRISTIANO ARAÚJO

Em janeiro de 2018, dois anos e meio após a morte de Cristiano Araújo e Allana Moraes, o motorista Ronaldo Miranda foi condenado por homicídio culposo (quando não há a intenção de matar). O processo foi movido por João Reis, pai de Cristiano.

Em decisão em primeira instância, Miranda foi condenado a 2 anos e 7 meses de detenção em regime aberto, mas a pena foi convertida em prestação de serviços comunitários e pagamento de multa de R$ 25 mil. Em dezembro de 2019, o Tribunal de Justiça de Goiás analisou um recurso da defesa do réu, mas decidiu por manter a condenação.

AÇÃO CONTRA ZECA CAMARGO

Dias após a morte de Cristiano Araújo, o jornalista Zeca Camargo fez uma crítica, durante o ‘Jornal das Dez’, da Globo News, onde questionou a popularidade do gênero sertanejo e do próprio Cristiano. Além disso, ele criticou a comoção do público.

A opinião de Zeca foi duramente criticada pelos fãs do cantor na época, que acharam o texto desrespeitoso. A família também repudiou a manifestação do jornalista e moveu uma ação contra ele.

Em janeiro de 2018, Zeca Camargo foi condenado a pagar R$ 60 mil de indenização por danos morais à família de Cristiano Araújo. A decisão foi tomada em primeira instância pela juíza Rozana Fernandes Camapum, da 17ª Vara Cível de Goiânia (GO).

O jornalista recorreu, mas em setembro de 2018, voltou a perder na Justiça. A 6ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO) manteve a sentença de primeiro grau.

Apesar disso, o irmão de Cristiano, Felipe Araújo, afirmou em recente entrevista ao ‘Uol’ que perdoa Zeca Camargo. “Eu deleto o que o Zeca Camargo fez. Aquele texto, que de certa forma foi desrespeitoso, era uma opinião dele. Eu o perdoo, porque acho que foi um momento de infelicidade. Todo o mundo está propenso a cometer erros, e ele cometeu um erro que foi grave, mas foi um erro. Não estou aqui para julgar ninguém”, afirmou, na ocasião.

FELIPE ARAÚJO PREENCHE VAZIO

Embora nunca tenha se apresentado como um “substituto” de Cristiano Araújo, o já mencionado irmão do cantor, Felipe Araújo, preencheu uma espécie de “vazio” deixado pelo artista. Lançando-se também no sertanejo, Felipe emplacou hits nos últimos anos como ‘Atrasadinha’ (parceria com Ferrugem), ‘A Mala é Falsa’ (com Henrique e Juliano) e ‘Amor da sua Cama’.

Apesar de estar se consolidando em carreira própria, Felipe Araújo nunca deixou de homenagear Cristiano em shows. Ele costuma cantar músicas do irmão e expor sua imagem no telão.

Em entrevista ao ‘Uol’, Felipe contou por que segue homenageando Cristiano nos shows. “Prometi a mim mesmo que nunca deixarei que as pessoas esqueçam quem ele foi e a referência que ele é pra mim. Só de subir no palco e cantar, dar orgulho para meus pais, já é uma homenagem pra ele. A referência dele corre nos meus sonhos todos os dias”, disse.

Ao comentar como sempre tem sua carreira associada ao sucesso do irmão, Felipe Araújo diz acreditar que não “bombou” do nada, pois já tem anos de estrada e trabalho para obter reconhecimento.

“As pessoas costumam dizer que sou um fenômeno, mas já tenho oito anos de carreira. Acho que por conta da velocidade que as coisas estão acontecendo na minha vida, as pessoas têm me chamado de ‘fenômeno’. Mas eu não encaro desta forma, acredito que ainda falta muito e eu tento me dedicar todos os dias, fazer meu melhor todos os dias”, completa.

HERANÇA INDEFINIDA

O programa ‘Fofocalizando’, do canal televisivo SBT, apurou no início deste ano que a herança deixada por Cristiano Araújo seguia, até então, em processo indefinido de partilha. O cantor deixou dois filhos de diferentes relacionamentos. Além disso, de acordo com a atração de TV, o valor seria menor do que o esperado.

De acordo com a apuração, Cristiano Araújo deixou patrimônio de, aproximadamente, R$ 4 milhões. O valor inclui bens deixados pelo artista, que vivia o melhor momento de sua carreira quando faleceu.

O ‘Fofocalizando’ aponta, ainda, que o inventário ainda não está concluído por conta de dívidas que o cantor deixou, em decorrência do investimento em sua carreira musical – algo comum no meio sertanejo, já que Cristiano ainda estava em uma etapa onde precisava fazer vários shows para quitar esses investimentos. Nenhum representante da família do artista se manifestou sobre a informação veiculada.

Fonte: Revista.Cifras

banner plan materia
floricultura

Comentarios

os comentaio sao de sua problia responsabilidade *

Novidades